Post Page Advertisement [Top]

PolíciaPolícia Federal

PF investiga desvio de recursos no sistema prisional do RJ


Rio de Janeiro/RJ – A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (13/3) a Operação Pão Nosso, com o objetivo de investigar o desvio de recursos públicos e pagamento de vantagens indevidas em razão de contratos firmados por empresas do ramo alimentício com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP/RJ). A operação é realizada em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF/RJ), Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Receita Federal do Brasil (RFB).

Cerca de 120 policiais federais e servidores da Coordenadoria de Segurança e Inteligência do MPF/RJ, do MPRJ, e da RFB cumprem 14 mandados de prisão preventiva, 10 mandados de prisão temporária e 28 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal/RJ. A ação ocorre nos municípios do Rio de Janeiro/RJ, Mangaratiba/RJ, Niterói/RJ, Duque de Caxias/RJ e Araras/SP.

As investigações, iniciadas há cerca de seis meses, indicaram a possível participação no esquema de um ex-secretário de administração penitenciária e de um delegado de polícia, diretor do Departamento de Polícia Especializada.

Os presos serão indiciados por corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, entre outros.

O nome da operação faz alusão aos pães feitos pelos detentos sob custódia da SEAP, cujo contrato para fabricação também teria sido utilizado para desviar recursos públicos.

Haverá entrevista coletiva na sede da Polícia Federal (Av. Rodrigues Alves nº 01- Saúde), às 11h.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

Contato: (21) 2203-4406 / 4407

cs.srrj@dpf.gov.br


Fonte Notícias http://ift.tt/2p6LtWI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]